topo
O Outro Lado do Paraíso: Após assassinato, Clara ameaça desistir de vingança
22/02/2018 09:42 em Resumo de Novelas

Clara (Bianca Bin) se sentirá culpada pelo assassinato de Vinícius (Flávio Tolezani) na cadeia em O Outro Lado do Paraíso. Abalada, a mocinha passará a repensar sua vingança e ameaçará desistir. Mas uma conversa emocionante com Mercedes (Fernanda Montenegro) fará com que a milionária acredite que agiu certo e evitou novos ataques do delegado pedófilo.

"Eu... Eu me sinto culpada. Será que levei essa vingança longe demais? Devia parar agora?", indagará a mãe de Tomaz (Vitor Figueiredo). Patrick (Thiago Fragoso) sinalizará que ela pode parar de se vingar, mas Renato (Rafael Cardoso) se meterá na conversa e dirá que só falta o juiz Gustavo (Luis Melo), como se Sophia (Marieta Severo) não fosse o alvo principal da vingativa.

Confusa, Clara irá até Pedra Santa para ouvir a opinião da vidente. "Senti durante todos esses dias um tremor, eu sabia que tava passando por momentos de muita emoção, Clara", dirá a mística.

Josafá (Lima Duarte) chamará o delegado de safado por não ouvir as queixas de agressão da neta. "Ele fez pior que isso. Pediu o laudo psiquiátrico que levou à minha internação. Mas eu descobri que havia um segredo horrível no passado dele. Ajudei a enteada a denunciar", contará a vingativa.

Renato explicará aos dois senhores que Vinícius foi julgado e condenado. "Na prisão, criminosos como ele são condenados à morte. Não durou um dia inteiro", resumirá.

Mercedes sentirá os interesses do médico falarem mais alto e pedirá para ficar a sós com a neta de Josafá. "Eu preciso, dona Mercedes. Preciso de paz no coração", desafará a mocinha.

"Clara, quando cê falou dessa história de vingança, não gostei. Não gostei, não, vingança é uma palavra ruim", discursará a personagem de Fernanda Montenegro. "Dona Mercedes, devo desistir? Estou errada?", perguntará Clara.

Mercedes, então, falará que quem estava errada era ela mesma. "A gente divide a vida entre certo e errado, Clara. Aprendi assim. Agora, vejo que não é. A vida é como duas manchas de tinta diferentes que se misturam. Às vezes, o que é errado vira certo e o que é certo vira errado. Cê queria se vingar. Se vingou. Mas a enteada eu sei o que houve. Eu vi. Eu sei que depois dela, ele não parou e não ia parar até o fim da vida", revelará a vidente.

A personagem de Bianca Bin vai arregalar os olhos e conter as lágrimas. "Clara, pense em quantas meninas cê salvou fortalecendo a decisão dessa moça, que denunciou o padrasto. Pense em quantas meninas ficaram livres desse homem. Tua vingança é realmente má? Ou cê salvou inocentes?", indagará a mística.

Ela terminará dizendo que Laura só agora poderá descobrir o amor. "Graças a você, Clara. A vida tem sempre dois lados, o escuro e o luminoso. Cê se vingou. Mas trouxe luz pra tanta gente", falará a sensitiva. Ela aliviará ainda mais a mocinha quando afirmar que a morte do delegado não é culpa de ninguém.

"Morreu, mas por culpa dele mesmo. De seus próprios erros. Clara, não sou Deus pra julgar se alguém merece morrer, mas ele cometeu um crime bárbaro e cometeria outros. Um crime contra uma criança não tem perdão", vai declarar Mercedes.

A cena irá ao ar nesta quinta-feira (22).

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!